Já tomou Magnésio hoje?

O magnésio é extremamente importante para o nosso organismo, pois é responsável pelo funcionamento e equilíbrio de inúmeras reações que ocorrem diariamente no nosso corpo.

A falta de magnésio prejudica e tem consequências prejudiciais para a nossa saúde.

O magnésio é essencial para o desenvolvimento ósseo, é utilizado na síntese de proteínas, no transporte de energia, contribui também para o funcionamento de algumas enzimas essenciais (todas as que necessitam de vitamina B1), para o equilíbrio do cálcio, potássio e sódio, ajuda no bom funcionamento celular, é necessário para a atividade hormonal e em mais de 300 reações químicas que ocorrem diariamente no nosso organismo.

A falta de magnésio no nosso organismo pode alterar o funcionamento do mesmo, dando origem a sintomas graves como:

  • alterações do ritmo cardíaco (arritmias);
  • má circulação sanguínea;
  • hipertensão;
  • irritabilidade;
  • espasmo muscular; 
  • flatulência (gases);
  • apatia;
  • hiperatividade;
  • cansaço;
  • enurese noturna (urinar na cama durante a noite);
  • Sendo as mais comuns: cãibras, cansaço, ansiedade, depressão e insónia.

Alimentos ricos em Magnésio

Se sabe que o seu organismo carece de magnésio ou se simplesmente quer prevenir esta situação optando por hábitos de vida saudáveis, então comece com uma dieta nutritiva rica em magnésio, inclua na sua dieta os seguintes alimentos:

  • Frutas e hortaliças: abacate, algas marinhas, couve, espinafres, beterraba, banana, folha de beterraba, grão-de-bico, figo seco, feijão ervilha, mandioca (raiz), lentilhas, quiabo, batata com casca, fécula de batata, uva passa, soja.
  • Grãos e derivados: Arroz Integral, Aveia (em grãos inteiros), farelo de aveia, cevada, granola, farelo de arroz, farinha de centeio, farelo de trigo, gérmen de trigo, farinha de trigo integral, massas preparadas com trigo integral e os cereais instantâneos ricos em fibras.
  • Frutos secos e sementes: Amêndoas, amendoim, castanhas, soja, nozes (sementes secas e nozes fornecem mais Magnésio do que as torradas). Sementes de girassol, gergelim e abóbora.

  • Outros alimentos: Chocolate amargo, produtos de soja (farinha, molho e tofu) moluscos e crustáceos como ostras e camarão. Melaço, manteiga de amendoim leite em pó e fermento.

Aproximadamente cada 100g dos alimentos mencionados,  contém sensivelmente 30mg de magnésio, sendo recomendado o consumo diário de 350mg de magnésio  (homens adultos) para o bom funcionamento cerebral e uma vida saudável.

Referências de consumo diário recomendado de magnésio:

  • Crianças: 170 mg
  • Mulheres: 280 mg
  • Homens: 350 mg
  • Grávidas: 320 mg
  • Lactentes: 355 mg

Devemos consumir suplementos de magnésio?

Hoje em dia a nossa alimentação é extramamente deficiente em nutriente e minerais, e no que respeita ao magnésio é de facto muito pobre. Desta forma em muitos casos é recomendado o uso de suplementos alimentares para suprir esta carência de magnésio que tanta falta e bem nos faz.

 

Voltar